Carregando conteúdos...Depende da sua ligação!

PROGRAMAÇÃO

13-10-2019

TOY STORY 4 | 3D versão portuguesa

Close-Up – Observatório de Cinema de Vila Nova de Famalicão | Episódio 4.0

Cinema

13 de outubro, domingo, 15:00
Grande Auditório

Entrada: 2 euros
Cartão quadrilátero, estudantes, seniores, associados de cineclubes: 1 euro
M/6 anos
Duração: 100 minutos

SESSÕES PARA FAMÍLIAS

Passados 24 anos do primeiro "Toy Story", que marcou a estreia da Pixar nas longas-metragens e a primeira vez que um filme foi totalmente animado a computador, a história do Xerife Woody e do astronauta Buzz Lightyear, dois brinquedos, e dos seus amigos, chega ao quarto capítulo. Desta feita, a trama gira à volta de Forky, uma mistura entre uma colher e um garfo que tem uma crise existencial e desaparece. Cabe, então, aos outros brinquedos embarcarem numa aventura em busca dele.

Após a projeção de Toy Story 4, haverá uma oficina “Pump up the Story - a história dos teus brinquedos”, que tem participação limitada a uma inscrição prévia.
“Pump up the Story — a história dos teus brinquedos”, onde serás tu o realizador. A partir de postais Pop-up, que serás tu a fazer e com imagens das tuas personagens preferidas, criarás novos cenários e histórias espetaculares onde os brinquedos que habitam o teu quarto se tornam as personagens principais!
Inscrições: bilheteira.casadasartes@famalicao.pt (Adulto + Criança: 5 euros)


Título original: Toy Story 4
Realização: Josh Cooley
Duração: 100 minutos
Origem: E.U.A.
Género: Fantasia / Aventura
Classificação Etária: M/6 anos


CLOSE-UP - Observatório de Cinema: o Tempo

4.º episódio, de 12 a 19 de outubro na Casa das Artes de Famalicão

Em vários espaços da Casa das Artes, o quarto episódio do Close-up – Observatório de Cinema, apresentará cerca de 40 sessões de cinema contemporâneo cruzadas com a história do Cinema, incluindo um passeio pelo Cinema Francês com dois protagonistas – Agnès Varda e Jean-Luc Godard, sob o mote do Tempo (o que passa e o tempo do Cinema), incluindo filmes-concerto em estreia pela Orquestra de Jazz de Matosinhos e pelos Mão Morta, filmes comentados por realizadores, jornalistas e académicos, sessões especiais e ante estreias, e um panorama em volta da obra de Eduardo Brito. Haverá também espaço para conversas, música e poesia no café-concerto e no foyer, e sessões para famílias e para escolas, com filmes, oficinas e uma masterclasse de Pedro Serrazina.



handmade by brainhouse